Apresentação

Este colóquio tem como objetivo transformar o diálogo académico numa experiência íntima e trazer ideias sobre a intimidade para a esfera pública. As artes performativas exploram frequentemente a intimidade no sentido de promoverem um maior engajamento. As suas múltiplas formas incluem encontros, solos, performances um-a-um, o teatro imersivo e o teatro comunitário. Nestes contextos, a intimidade surge associada a noções de proximidade, partilha, confiança e acessibilidade. Por outro lado, a investigação artística explora a intimidade através da teorização dos afetos, da estética relacional e ainda da prática como base da investigação. Ao mesmo tempo, subverte os códigos da linguagem académica no sentido de os tornar mais próximos da experiência artística e promover a criatividade na construção de conhecimento.

Através de uma forma íntima, lúdica e crítica, este colóquio pretende explorar do que se trata quando se fala de intimidade. Porque é que criadores e investigadores experimentam com formatos e ideias de intimidade e quais os seus efeitos? Qual é o papel do segredo, da mentira e da violência na construção da intimidade? Como é que posicionamentos críticos sobre sexo, género, sexualidade e raça desconstroem ideologias dominantes e criam intimidades não-convencionais? Quais são as especificidades da intimidade digital e da intimidade site-specific?


Abstracts/bios:



Top

Informações


A) Inscrições para participantes-apresentadores:

Participantes/Apresentadores no Colóquio com uma comunicação/performance/workshop não pagam inscrição.



B) Inscrições para participar no colóquio:

75 euros para pessoas com um emprego à tempo inteiro. Inclui jantar no dia 4.

30 euros para estudantes em geral; protocolos estabelecidos com instituições que tenham apoiado o Colóquio.

25 euros para artistas-investigadores, alunos de doutoramento/pós-doutoramento, artistas e profissionais das artes performativas.

20 euros para membros da rede Oficina , estudantes de artes performativas da Universidade do Minho; pessoas sem emprego; protocolos com outros coprodutores.



Transportes/Alojamento

Top

Inscrição


Call for Papers: até dia 30 de setembro de 2018.

Inscrições para assistir: a partir de 1 de outubro de 2018.

*Todos os campos são obrigatórios.






Top

Programa


Programme:
PDF (PT)
PDF (EN)


Workshop:
PDF

Top

Contactos

Francesca Rayner

E-mail: francescarayner@gmail.com


Morada:

Centro de Estudos Humanísticos
Universidade do Minho
Campus de Gualtar
4710-057 Braga
Portugal

Top