Investigadores

Isabel Cristina Mateus

Grau académico: Doutoramento

Categoria profissional: Prof. Auxiliar

Grupo(s) de Investigação:

E-mail: icmateus@ilch.uminho.pt

Website(s):

ORCID: 0000-0001-7035-008X.

Morada institucional:

icmateus@ilch.uminho.pt

Nota biográfica:

Nota Biobibliográfica

Isabel Cristina Mateus é licenciada em Línguas e Literaturas Modernas pela Universidade de Coimbra e Doutorada em Ciências da Literatura, Área de Especialização de Literatura Portuguesa (Moderna e Contemporânea) pela Universidade do Minho. Exerce atualmente as funções de Professora Auxiliar no Instituto de Letras e Ciências Humanas e de investigadora do Centro de Estudos Humanísticos (CEHUM). A sua área de investigação centra-se na Literatura Portuguesa dos séculos XIX (com especial destaque para Fialho de Almeida e Raul Brandão) e séculos XX a XXI. 
É coordenadora da edição da obra completa de Maria Ondina Braga pela INCM (com Cândido Oliveira Martins (UCP), exercendo igualmente funções de dinamizadora do Espaço Maria Ondina Braga/Museu Nogueira da Silva.
É membro da Direcção da Associação Portuguesa de Escritores.
Tem colaborado em diversas revistas de especialidade nacionais e estrangeiras e é autora de vários estudos sobre autores da literatura portuguesa moderna e contemporânea, com destaque para o ensaio “Kodakização” e Despolarização do Real: Para uma Poética do Grotesco na Obra de Fialho de Almeida, Leya/Caminho 2008. 

PRÉMIOS: 
(2007) Prémio de Ensaio Óscar Lopes (edição única), pelo ensaio “Kodakização” e Despolarização do Real: Para uma Poética do Grotesco na Obra de Fialho de Almeida.
(2008), Prémio de Ensaio PEN Clube (ex aequo com Frederico Lourenço): “Kodakização” e Despolarização do Real: Para uma Poética do Grotesco na Obra de Fialho de Almeida", Caminho.  

FORMAÇÃO:

Tese de Doutoramento: 
(2006) “ Kodakização” e Despolarização do Real: para uma poética do grotesco na obra de Fialho de Almeida (orientação do Prof. Doutor Vítor Aguiar e Silva)
APCC: 
(1989) Provas de Aptidão Pedagógica e Capacidade Científica, defendidas na Universidade do Minho, em Dezembro,  com a classificação final de Muito Bom por unanimidade.
-Dissertação: “História e Ficção Histórica em Aquilino Ribeiro: A Casa Grande de Romarigães” (orientação do Prof. Doutor Vítor Aguiar e Silva)
-Aula Prática: “O Tema do Santo: de Eça a Aquilino".
Licenciatura:
(1984) Licenciatura em Línguas e Literaturas Modernas: variante Português/Francês, pela Faculdade de Letras da Universidade de Coimbra, com a classificação final de 16,4 valores.

Interesses de investigação:

Literatura portuguesa dos séculos XIX a XXI, Grotesco, Estudos ondinianos, Estudos saramaguianos, Literatura de viagens, Zoopoética, Animal Studies.

Formação:

Doutoramento em Ciências da Literatura, Ramo de Literatura Portuguesa, 2006, pela Universidade do Minho. Classificação: aprovada por unanimidade.

Provas de Aptidão Pedagógica e Capacidade Científica, 1989, Universidade do MInho. Classificação: Muito Bom por Unanimidade.

Licenciatura em Línguas e Literaturas Modernas- Português/Francês, 1984, Universidade de Coimbra. Classificação: 16,4 valores.

Experiência profissional:

Professora Auxiliar, desde 2006 (Departamento de Estudos Portugueses e Lusófonos/Universidade do Minho)

Assistente, 1989-2006 (Departamento de Estudos Portugueses e Lusófonos/Universidade do Minho)

Assistente Estagiária, 1984-1989 (Departamento de Estudos Portugueses e Lusófonos/Universidade do Minho))

Cargos:

Membro eleito do Senado Académico de 30.03.2016 a 10.05.2017

Coordenadora de Português Língua Estrangeira e Português Língua Não Materna do BabeliUM, ILCH. (Janeiro 2015- Maio 2016)

Directora interina do Departamento de Estudos Portugueses e Lusófonos (Março de 2014- Maio de 2014)

Directora -Adjunta do Departamento de Estudos Portugueses e Lusófonos (Setembro de 2012-.2014).

Membro do Conselho Científico do Instituto de Letras e Ciências Humanas da Universidade do Minho (Janeiro de 2013-2016)

Directora da Licenciatura em Estudos Portugueses e Lusófonos (Setembro de 2010- Novembro de 2012)

Membro do Conselho Pedagógico do Instituto de Letras e Ciências Humanas (2011-2014)

Membro da Comissão Coordenadora responsável pelo Programa das Licenciaturas Internacionais (PLI) no Instituto de Letras e Ciências Humanas (Licenciatura em Estudos Portugueses e Lusófonos), celebrado entre a UM e a CAPES/Brasil (2012/2014)

(2006-2009) Directora de Curso das Licenciaturas em Ensino de Português/Francês e Estudos Portugueses e Franceses.

(2006-2009) Membro do Conselho de Cursos do Instituto de Letras e Ciências Humanas da Universidade do Minho

Publicações

Livros

  • Mateus, Isabel (2018). Viajar com... Maria Ondina Braga (Os Caminhos da Literatura). Direcção Geral de Cultura do Norte/Opera Omnia. 63pp.

    http://hdl.handle.net/1822/56849

  • Mateus, Isabel C (2017). “A Raiz e a Árvore: identidade, memória e viagem na obra de Maria Ondina Braga”. In:  Maria Ondina Braga (Re)leituras de uma Obra (org. de Isabel Cristina Mateus e Cândido Oliveira Martins). Braga. Museu Nogueira da Silva/Espaço Maria Ondina Braga. pp. 99-115.

    http://hdl.handle.net/1822/49883

  • Mateus, Isabel C. (2008). “Kodakização” e Despolarização do Real: para uma poética do grotesco na obra de Fialho de Almeida. Lisboa. Editorial Caminho. [Prémio de Ensaio Óscar Lopes (2007); Prémio de Ensaio PEN Clube 2008]. 397pp.

    http://hdl.handle.net/1822/5733

  • Mateus, Isabel (2004). “Fialho de Almeida e a modernidade: as cavernas do medo e os monstros da escuridão". In: Sousa, Carlos e Patrício, Rita (eds.). Largo Mundo Alumiado: Estudos em homenagem a Vítor Aguiar e Silva. Vol. I. Braga. CEHUM/Universidade do Minho. pp.429-438.

Livros de atas

  • Mateus, Isabel. “Por trás do muro: o húmus grotesco de Raul Brandão”. In: “O Sonho em Marcha”, Colóquio Internacional Evocativo do Centenário da publicação de Húmus, dir. Vitor Viçoso e Maria João Reynaud, org. Sociedade Martins Sarmento. 11 de Março 2017.  Participação a convite de Maria João Reynaud (org). Em publicação (in Press)

    http://hdl.handle.net/1822/51091

  • Mateus, Isabel. "Fialho de Almeida e Raul Brandão: histórias de palhaços & outros laços de escrita”. In: Nos150 anos do nascimento de Raul Brandão e no centenário de Húmus, org. Universidade Católica Portuguesa e Universidade do Porto. 2017. Participação a convite da Prof Maria João Reynaud e de Vítor Viçoso (org). Em publicação/In press..

    http://hdl.handle.net/1822/51090

  • Mateus, Isabel (2016). “Lápis e linhas para desenhar uma flor de nome Almada”. In: 100 Orpheu (Vila Maior, Dionísio e Rita, Annabela (eds). Lisboa. Edições Esgotadas, pp. 501-511.

    http://hdl.handle.net/1822/51083

  • Mateus, Isabel (2015). “Figuras do enigma: escritores e escrivães idiotas (Fialho de Almeida, Bernardo Soares e Herman Melville)”. In: Figuras do Idiota: Literatura, cinema e banda desenhada (Álvares, Cristina; Curado, Ana Lúcia; Sousa, Sérgio Guimarães (eds). Cehum. Famalicão. Húmus, nº 34, pp. 55-68.

    http://hdl.handle.net/1822/51804

  • Mateus, Isabel (2014). "Brincos de cerejas e pitangas: "retornados" e representação do Outro em O Retorno de Dulce Maria Cardoso".  In:  Portugal Brasil África. Relações históricas, literárias e cinematográficas (Vieira, Cristina; Osório, Paulo & Manso, José Henrique (eds.). Covilhã. Universidade da Beira Interior, pp. 205-226.

    http://hdl.handle.net/1822/55889

  • Mateus, Isabel (2013). "Cenografias deformantes e performance dramática em Fialho de Almeida e Valle-Inclán" (em co-autoria com Núñez Sabarís, Xaquín). In: Modernidades Comparadas: Estudos Literários/Estudos Culturais Revisitados (Ribeiro, Eunice, (ed).  28. Cehum, Húmus, pp. 33-52.

     http://hdl.handle.net/1822/27935

  • Mateus, Isabel (2011). “O “Génio Obscuro” de Fialho de Almeida: cem anos de presença na literatura portuguesa”. In: Fialho de Almeida: Cem Anos Depois (Franco, António Cândido). Universidade de Évora. Editora Licorne, pp. 113-127.

    http://hdl.handle.net/1822/51084

  • Mateus, Isabel (2010). “A Casa Grande de Romarigães”: História e (re)escrita da história (uma leitura pós-moderna)”. Aquilino Ribeiro: Voltar a Ler 3 (Ferreira, António Manuel e Neto, Paulo (eds). Universidade de Aveiro. pp. 43-72.

    http://hdl.handle.net/1822/51806

  • Mateus, Isabel (2008). “Silva Pinto e o Realismo em Portugal: teoria e prática”. In: Gama, Manuel (ed.). A Geração de 70: Alberto Sampaio e os “Outros”. Centro de Estudos Lusíadas. Universidade do Minho. pp.63-77.
  • Mateus, Isabel Cristina (2007).  "Fialho de Almeida, modelo literário de Miguel Torga”. In: A minha verdadeira imagem está nos livros que escrevi, Actas do II Congresso Internacional sobre Miguel Torga (Leão, Isabel Ponce (ed.). Edições Universidade Fernando Pessoa. Vol. I, pp.249-261.

    http://hdl.handle.net/1822/51992

  • Mateus, Isabel (1999). "A tentação de S. Macário: da Alegoria ao Símbolo". In: Arquivos do Centro Cultural Calouste Gulbenkian. Actas do Colóquio Internacional Comemorativo do Centenário da Publicação dos Oaristos de Eugénio de Castro, org. Poupart, René e d'Heur, Jean). Universidades de Mons e Liège- Bélgica. Nov,. 1990. Vol. XXXVIII. Lisboa-Paris: Fundação Calouste Gulbenkian.

Artigos

  • Mateus, Isabel (2017). "Escrito com Cal e com Luz" de Renato Roque: ensaio fotográfico sobre a poética de Carlos de Oliveira
     https://revistacaliban.net/escrito-com-cal-e-com-luz-ensaio-fotográfico-sobre-a-poética-de-carlos-de-oliveira-85e5b2e38f5c

    http://hdl.handle.net/1822/55123

  • Mateus, Isabel Cristina (2017). “Entre as margens e o centro: Fialho de Almeida, um retrato (im)possível”. In: Limite. Revista de Estudios portugueses y de la Lusofonía, “Vol. 11.2/2017, Linguística Histórica (coord. Carrasco González, Juan; Alonso Parada, Raquel), Universidad de Extremadura), pp. 155-172. 
    Emerging Sources Citation Index
    ISSN: 1888-4067
    Emerging Sources Citation Index
 ISOC y DICE (Consejo Superior de Investigaciones Científicas), Dialnet, Latindex, CIRC (Clasificación Integrada de Revistas Científicas)

    http://hdl.handle.net/1822/49884

  • Mateus, Isabel (2017). "Incesto, culpa e memória: Impunidade de Helder Cancela". In: 
    https://revistacaliban.net/incesto-culpa-e-memória-impunidade-de-helder-g-cancela-169ed111fc66

    http://hdl.handle.net/1822/51907

  • Mateus, Isabel Cristina (2016). “A voz do mar ou da necessidade de errar a língua ao dente”. Revista Pontes de Vista, nº1, 800 anos de Língua Portuguesa (dir. de Mário Cláudio, Celeste Natário e Luísa Malato).
    
    http://revistapontesdevista.com/2015/04/05/a-voz-do-mar-ou-da-necessidade-de-errar-a-lingua-ao-dente/

    http://hdl.handle.net/1822/51904

  • Mateus, Isabel (2013). "Um terraço que seja seu: notas sobre O Retorno de Dulce Maria Cardoso". In: Colóquio /Letras (Notas & Comentários). 182, pp. 200-209.

    http://coloquio.gulbenkian.pt/bib/sirius.exe/do?bibrecord&id=PT.FCG.RCL.9509

  • Mateus, Isabel (2011). “Manuel da Fonseca, leitor de Fialho de Almeida: metamorfoses do grotesco em Seara de Vento”. Nova Síntese (textos e contextos do neo-realismo). nº 6, pp. 145-158.

    http://hdl.handle.net/1822/51991

  • Mateus, Isabel  (2009). “O colar de Xerazade: sedução e grotesco na poética de David Mourão-Ferreira”. In: Relâmpago (David Mourão-Ferreira). Nº 24, 4/2009, pp. 61-75.

    http://hdl.handle.net/1822/51909

  • Mateus, Isabel (2006). “Fialho de Almeida, Vicente Guedes, Bernardo Soares & C.ª: notas soltas para um livro do desassossego”. In: Diacrítica (série Ciências da Literatura). Vol.s 20-23. Cehum. Universidade do Minho, pp.75-95.
  • Mateus, Isabel (1995). "Uma Secreta Ironia: A Construção de "A Casa Grande de Romarigães". In: Cadernos Aquilinianos. Nº 3. Centro de Estudos Aquilino Ribeiro. pp.9-15.
  • Mateus, Isabel (1993). "O Roxo e o Verde: Real e Ficção em "Maria Moisés " (com Diogo, Américo Lindeza Diogo). In: Diacrítica. 8. pp. 93-104.
  • Mateus, Isabel (1987). "Maria Benigna": Romance epistolar e ausência amorosa". In: Diacrítica. 2. Cehum/Universidade do Minho, pp. 81-95.

Capítulos em livros

  • Mateus, Isabel (2017). “Do animal ao inanimal: figurações canídeas na obra de J. Saramago”. Figuras do Animal. Álvares, Cristina; Curado, Ana Lúcia; Mateus; Isabel Cristina e Sousa, Sérgio Guimarães (eds). Braga. Húmus/Cehum, pp. 155-167.

    http://hdl.handle.net/1822/49884

  • Mateus, Isabel C. (2016). “Valter Hugo Mãe: a máquina da criação grotesca”. In: Nenhuma palavra é exacta (Nogueira, Carlos (ed.). Porto. Porto Editora. pp.324-342

    http://hdl.handle.net/1822/50984

  • Mateus, Isabel (2015). “Fragmentos & outros lugares (im)prováveis: os Diários de M. G. Llansol”. In: "O Império dos Fragmentos”. Llansol e a exigência fragmentária (João Barrento (ed.). Lisboa. Mariposa Azual, pp 59-73.

    http://hdl.handle.net/1822/51081

  • Mateus, Isabel (2012). "Os Livros de Horas de Llansol: oratório, laboratório, escriturofania(s)". In: Llansol: a luminosa vida dos objectos (Barrento, João e Santos, Maria Etelvina (eds). Lisboa. Mariposa Azual, pp. 57-75.

    http://hdl.handle.net/1822/51078

  • Mateus, Isabel (2011). “Sob o signo de Goya: diálogos ibéricos em torno do Modernismo”.  Diálogos Ibéricos sobre a Modernidade ( Nuñez Sabarís, Xaquín (eds). Húmus, CEHUM. Universidade do Minho. 25, pp.79-129.

    http://hdl.handle.net/1822/51900

Artigos em livros de atas

  • Mateus, Isabel C. (2017). “Fialho e as artes: uma óptica deformante”. I Encontro Fialho de Almeida, Boletim da Associação Cultural Fialho de Almeida, nº 2, Novembro.  pp. 9-20. Conferência a convite da Presidência da Associação Cultural Fialho de Almeida.

    http://hdl.handle.net/1822/50987

Outras publicações

  • Mateus, Isabel Cristina (2018). "No intenso agora deste maio" de João Moreira Salles.
    
    https://revistacaliban.net/no-intenso-agora-deste-maio-9ae8ceecad77
  • Mateus, Isabel, (2018). "Prefácio”. Hesse, Herman, O Lobo das Estepes. Lisboa, Leya. Clássicos RTP.

    http://hdl.handle.net/1822/56852

  • Mateus, Isabel Cristina (2018). "Ildikó Enyedi. Almas solitárias à procura de um corpo"
    
    https://ionline.sapo.pt/artigo/598282/ildiko-enyedi-almas-solitarias-a-procura-de-um-corpo?seccao=Mais_i
  • Mateus, Isabel (2018). Maria Judite de Carvalho; paisagem sem barcos com mulher ao fundo. 
    https://assinatura.ionline.pt/artigo/596870/maria-judite-de-carvalho-paisagem-sem-barcos-com-mulher-ao-fundo?seccao=Mais_i

    http://hdl.handle.net/1822/56848

  • Mateus, Isabel (2017). "Carta a Ângela" (ed. de José Manuel Mendes, Pequenos Livros). 
    https://revistacaliban.net/dizem-que-por-trás-de-cada-grande-homem-há-sempre-uma-grande-mulher-bb5332ab08db

    http://hdl.handle.net/1822/51915

  • Mateus, Isabel (2014). “Lídia Jorge: Os Memoráveis” (recensão crítica). Diacrítica (Dossier 50 anos de Luuanda, Ciências da Literatura) 28.3. Cehum. pp. 351-356.

    http://hdl.handle.net/1822/51902

  • Mateus, Isabel (2009). “Cultura Portuguesa e Expressionismo” de Eduardo Lourenço: uma (re)visão”.  comunicação apresentada n VI Congresso InterNacional da Associação de Literatura Comparada/X Colóquio de Outono Comemorativo das Vanguardas CEHUM. Universidade do Minho.
    
    http://ceh.ilch.uminho.pt/pub_isabel_mateus.pdf.

    http://ceh.ilch.uminho.pt/pub_isabel_mateus.pdf.

Organização de eventos

Participação em eventos

  • Colóquio/Congresso (Por convite)

    Mateus, Isabel (2016). "Mulheres videntes e interrogação do país: Natália Correia (Gabriela Llansol e Lídia Jorge)". In Jornadas Internacionais “Mulheres Proféticas”. 10.12.2016. Faculdade de Filosofia e Ciências Sociais. Centro Regional de Braga da Univesidade Católica Portuguesa. Braga. Portugal. http://hdl.handle.net/1822/51994

  • Seminário (Por convite)

    Mateus, Isabel (2016). "Richard Zimler. As coisas que aprendi: um olhar do escritor sobre os Direitos Humanos". Casa dos Direitos Humanos/ Encontros da Cidadania, promovidos pela Associação Civitas Braga em parceria com a Biblioteca Lúcio Craveiro da Silva. Apresentação e moderação. http://hdl.handle.net/1822/55885

  • Colóquio/Congresso (Por convite)

    Mateus, Isabel Cristina (2014). "Os Memoráveis de Lídia Jorge". Apresentação pública do romance. 7 de Maio. Org. do Conselho Cultural da Universidade do Minho, Biblioteca Lúcio Craveiro da Silva e Associação Civitas. Biblioteca Lúcio Craveiro da Silva. A convite do Conselho Cultural da UM.

  • Colóquio/Congresso

    Mateus, Isabel Cristina (2014). “Olhares cruzados: metrópole e retorno em Dulce Maria Cardoso”. In Colóquio Internacional Comemorativo dos 40 anos do 25 de Abril: (Re)Pensar Abril. 25 de Abril 2014, Universidade de Varsóvia, Instituto de Estudos Ibéricos e Ibero-Americanos da Universidade de Varsóvia, em parceria com a Embaixada de Portugal, Instituto Camões), Varsóvia, Polónia. http://hdl.handle.net/1822/51911

  • Colóquio/Congresso (Por convite)

    Mateus, Isabel Cristina (2013). “Tinta delirante & outras loucuras: raízes oitocentistas do(s) Surrealismo(s) em Portugal”. In Congresso Internacional Surrealismo(s) em Portugal: no 60º aniversário da morte de António Maria Lisboa”. 18-21 de Novembro de 2013, Clepul-FLUL, Gulbenkian, Casa da Liberdade- Mário Cesariny. Lisboa. Portugal. http://hdl.handle.net/1822/52146

  • Colóquio/Congresso (Por convite)

    Mateus, Isabel (2011). “Fialho de Almeida ou o limiar do futuro: modernidade, modernismo(s) e despolarização do real”. In Congresso Internacional Portugal no tempo de Fialho de Almeida (1857-1911)”, org. do CLEPUL. 21-25 de Novembro. Faculdade de Letras da Universidade de Lisboa. Lisboa. Portugal.

  • Colóquio/Congresso (Por convite)

    Mateus, Isabel (2011). “Evocação de Fialho de Almeida”. In: Colóquio Comemorativo do Centenário da morte de Fialho de Almeida. 4 Março de 2011. Palácio da Independência, Lisboa. Portugal. (convite da Direcção do Palácio da Independência).

  • Colóquio/Congresso (Por convite)

    Mateus, Isabel (2007). " Revisitar Fialho de Almeida". Mesa-redonda. In: Comemorações do 150ª aniversário do nascimento de Fialho de Almeida. 17 Maio. Palácio do Beau Séjour (com Guilherme de Oliveira Martins (Presidente do Instituto de Alta Cultura), António Varela (Academia das Ciências de Lisboa), António Cândido Franco (U. Évora) e Ricardo Revez (U. Nova de Lisboa). Lisboa. Portugal. (Convite do Gabinete de Estudos Olissiponenses/Câmara Municipal de Lisboa).

  • Colóquio/Congresso (Por convite)

    Mateus, Isabel (1991). "História e Ficção histórica em A Casa Grande de Romarigães". In: Colóquio "Evocação de Aquilino Ribeiro". Maio de 1991. Centro de Estudos Aquilino Ribeiro (org.), Viseu, Portugal. Com a participação do Prof. Eduardo Lourenço.

Redes

  • 2017 - Animots (MEMBRO)

    ANIMOTS, dirigida por Anne Simon, CRAL (EHESS-CNRS- França).  Projecto plurisdiciplinar que procura  reflectir sobre o pós-humano a partir dos discursos e representações da animalidade na criação artística e literária contemporâneas. O projecto insere-se no âmbito dos Animal Studies e, de um modo mais vasto, no Ecocriticism. 
    Alguns dos membros do grupo de investigação  LINHAM, do CEHUM, foram integrados , em função do trabalho desenvolvido, na rede francesa Animots.

    http://animots.hypotheses.org/repertoire-de-chercheurs

Orientação de teses

Mestrados

  • 2010 - 2011 | Orientador

    Olívia Maria Barbosa Guimarães Marques

    Figurações da viagem na obra de Sophia de Mello Breyner Andresen destinada a crianças e jovens: para uma leitura dos contos O Cavaleiro da Dinamarca e Saga”,

    Mestrado em Teoria da Literatura

Editor

  • 2018 - (...)

    Mateus, Isabel e Martins, Cândido (eds) (2018). Obra Completa de Maria Ondina Braga (6 vols). INCM

  • 2017 - (...)

    Mateus, Isabel e Martins, Cândido (eds) (2017). Maria Ondina Braga (Re)leituras de uma Obra. Braga. Museu Nogueira da Silva/Espaço Maria Ondina Braga. Universidade do Minho.

    http://hdl.handle.net/1822/50401

Comissões científicas

Outros dados

  • Prémios: 
    (2007) Prémio de Ensaio Óscar Lopes atribuído pela Editorial Caminho (edição única, comemorativa do 90º aniversário de Óscar Lopes) ao ensaio inédito “Kodakização” e Despolarização do real: para uma Poética do Grotesco na Obra de Fialho de Almeida” 
    
    (2009) Prémio PEN Clube de Ensaio 2008, “Kodakização” e Despolarização do Real: para uma Poética do Grotesco na Obra de Fialho de Almeida. Lisboa. Caminho. 2008. 
    (Ex aequo com Frederico Lourenço. Novos Ensaios Helénicos e Alemães. Lisboa. Cotovia, 2008)