Investigadores

Mário Matos

Grau académico: Doutoramento

Categoria profissional: Prof. Auxiliar

Grupo(s) de Investigação:

E-mail: matos@ilch.uminho.pt

Telefone: (+351)253604170

Website(s):

ORCID: https://orcid.org/0000-0003-0186-1665

Morada institucional:

Departamento de Estudos Germanísticos e Eslavos
Instituto de Letras e Ciências Humanas
Universidade do Minho
Campus de Gualtar
4710-057 Braga
Portugal

Nota biográfica:

Mário Matos (*1963) holds a BA in German and French Literature (University of Porto, 1989), a MA in German Literature and Culture (Universidade Nova Lisbon, 1997) and a PhD in Cultural Sciences by the University of Minho (2007), where he is assistant professor at the German and Slavic Department. 
He has been the head of the German & Slavic Department (2008-2013), diretor of the BA in Cultural Studies (2014-2016)and vice-dean of the Institute of Arts and Humanities at the University of Minho (2016-2019), before having been elected again as head of the German & Slavic Department in 2019.
His teaching and research areas are (Inter)Cultural Studies, German Literature and Culture, Travel Literature and Translation. 
Mário Matos is a full research member at the Centro de Estudos Humanísticos of the University of Minho (CEHUM), where he coordinates a research group on transcultural mobility studies (NETCult). He is also an external research collaborator at the Instituto de Literatura Comparada Margarida Losa (University of Porto).

Interesses de investigação:

Estudos Culturais, literaturas de viagem, literaturas e culturas alemãs.

Formação:

Doutoramento em Ciências da Cultura (Universidade do Minho, 2007)

Mestrado em Literatura e Cultura Alemãs (Universidade Nova de Lisboa, 1997)

Licenciatura em Línguas e Literaturas Modernas (Universidade do Porto, 1989)

Especialização em Tradução (Português-Alemão) (Univesidade do Porto, 1991)

Cargos:

Diretor de Departmento (2008-13 e 2019-...)

Diretor de curso da licenciatura em Estudos Culturais (2014-16)

Vice-presidente do Instituto de Letras e Ciências Humanas (2016-19)

Coordenador do grupo de investigação em Estudos Transculturais do CEHUM (2014-....)

Membro da Comissão Diretiva do Centro de Estudos Humanisticos (CEHUM) (2016-...)

Projetos

  • 2013 - ... (Coordenador)

    MoMeL - Mobilidade e Memória Local: Representações Interculturais do Minho

    Projeto concebido aquando a criação do Núcleo de Estudos Transculturais (NETCult), grupo de investigação multidepartamental, com o objetivo de proceder a um levantamento o mais sistemático possível de visões e representações externas da região do Minho por viajantes oriundos de múltiplas culturas (nações) e épocas históricas.
  • 2011 - 2013 (Membro)

    O Poder da Ciência. «Ciência Alemã» em Portugal (1933-45)

    Projeto financiado pela FCT. Membro da equipa de investigação a 25%. Entidade coordenadora: Universidade Nova de Lisboa.
    
    https://www.fct.pt/apoios/projectos/consulta/vglobal_projecto.phtml.en?idProjecto=111330&idElemConcurso=3660

Publicações

Livros

  • Matos, M. , Paisana, J. & Pereira, M. E. (eds.) (2016), Transcultural Amnesia. Mapping Displaced Memories / Amnésia Transcultural. Para uma Cartografia de Memórias Deslocalizadas, Edições Húmus, V.N. Famalicão.

    http://hdl.handle.net/1822/51401

  • Matos, M. , Grossegesse, O. (eds.) (2012), Mnemo-Grafias Interculturais / Interkulturelle Mnemo-Graphien / Intercultural Mnemo-Graphies, Edições Húmus, V. N. Famalicão.

    http://hdl.handle.net/1822/28415

  • Matos, M., Grossegesse, O. (eds.) (2011) , Zonas de Contacto: Estado Novo / III Reich (1933-1945), TDP Edições, Perafita.
  • Clara, F., Matos, M. & Sanches, M. (eds.) (2011), Várias Viagens. Estudos oferecidos a Alfred Opitz, Edições Húmus, V. N. Famalicão.
  • Matos, M. (2010), Postigos para o Mundo. Cultura Turística e Livros de Viagens na República Democrática Alemã (1949-1989/90), Braga, V N. Famalicão, Edições Húmus, CEHUM/Coleção Poliedro/21.

    http://hdl.handle.net/1822/23589

  • Pereira, M. E, Matos, M., Harwood, R. & Sousa, S. G.(eds.), Transversalidades: Viagens / Literatura / Cinema, Braga, CEHUM/Coleção Hespérides/Literatura/23.

Livros de atas

  • Koller, E., Grossegesse, O. & Matos, M. (orgs.), Portugal – Alemanha – Brasil. Actas do VI Encontro Luso-Alemão, Braga, CEHUM-Colecção Hespérides (2 Vol.) [em parceria com E. Koller, O. Grossegesse, A. Malheiro da Silva].

Artigos

  • Matos, M. (2014), "De volta à terra: viagens desaceleradas a pé, de burro e de trotinete", in Cadernos de Literatura Comparada, nº 30 - 6/2014, Ed. Instituto de Literatura Comparada Margarida Losa, Porto, pp. 237-255.
    http://ilc-cadernos.com/index.php/cadernos/article/view/95
  • Matos, M. (2009), “»Der joy stick hat den Wanderstab ersetzt«!? Erzählen vom Reisen in hypermedialen Zeiten”, in Testi e linguaggi. Rivista del Dipartimento di Studi Linguistici e Letterari dell’Università di Salerno, 3/2009, [nº temático: Letteratura e altri saperi], pp. 137-154.
    http://elea.unisa.it/handle/10556/582
  • Matos, M. (2001), "WWW: die unendliche Mediothek", in RUNA-Revista Portuguesa de Estudos Germanísticos, nº 28, pp. 331-347.

Capítulos em livros

  • Matos, M. (2016), "Tourism as Networking for a Pan-fascist Mobilization before the Second World War", in Fernando Clara/Cláudia Ninhos (eds.), Nazi Germany and Southern Europe, 1933-45. Science, Culture and Politics, Palgrave, Hampshire & New York, pp. 38-51.

    RepositóriUM: http://hdl.handle.net/1822/49487

  • Matos, M. (2016), "Interkulturelle und transmediale Mobilität in der Reiseliteratur", in Klaus Schenk et al.(Hg.), Zwischen Kulturen und Medien. Zur medialen Inszenierung von Interkulturalität, Praesens Verlag, Wien, pp. 34-49.

    RepositóriUM: http://hdl.handle.net/1822/49488

  • Matos, M. (2013), "Perpetuum Mobile: algumas considerações sobre a narrativa de viagem", in Maria Cristina Álvares/Ana Lúcia Curado/Sérgio Paulo Guimarães de Sousa (org.), O Imaginário das Viagens. Literatura, Cinema, Banda Desenhada, Edições Húmus, V. N. Famalicão, pp. 17-34.

    RepositóriUM: http://hdl.handle.net/1822/35198

  • Matos, M. (2013), "Perpetuum Mobile: algumas considerações sobre a narrativa de viagem", in Maria Cristina Álvares/Ana Lúcia Curado/Sérgio Paulo Guimarães de Sousa (org.), O Imaginário das Viagens. Literatura, Cinema, Banda Desenhada, Edições Húmus, V. N. Famalicão, pp. 17-34.

    RepositóriUM: http://hdl.handle.net/1822/35198

  • Matos, M. (2012), “Towards a transcultural construction of memory”, in Mário Matos/Orlando Grossegesse (org.), Mnemo-Grafias Interculturais / Interkulturelle Mnemo-Graphien / Intercultural Mnemo-Graphies. Edições Húmus, V. N. Famalicão, pp. 29-43.

    RepositóriUM: http://hdl.handle.net/1822/52635

  • Matos, M. & Silva, A. M. (2011), “Sobre a difusão político-cultural nazi em Portugal. O exemplo da «Casa Alemã» em Braga”, in Mário Matos/Orlando Grossegesse (eds.), Zonas de Contacto: Estado Novo / III Reich (1933-1945), pp. 123-152.
  • Matos, M. (2011), “Turismo e propaganda: os «cruzeiros atlânticos» da organização nazi «Força pela Alegria»”, in Mário Matos/Orlando Grossegesse (eds.), Zonas de Contacto: Estado Novo / III Reich (1933-1945), pp. 21-49.
  • Matos. M. (2011), “«Narra-Grafias» de viagem”, in Fernando Clara/Manuela Ribeiro Sanches/Mário Matos (eds.), Várias Viagens. Estudos oferecidos a Alfred Opitz, V. N. Famalicão, Edições Húmus, pp. 263-288.

    RepositóriUM: http://hdl.handle.net/1822/52598

  • Matos, M. (2011), “A viagem e a «viragem» na RDA”, in Miscelânea de Estudos em Homenagem a Maria Manuela Delille, coord. Maria Teresa Delgado Mingocho et al., vol. 1, Edições Minerva, Coimbra, pp. 277-291.

    RepositóriUM: http://hdl.handle.net/1822/52589

  • Matos, M. (2010), “Os «cruzeiros atlânticos» da organização nacional-socialista Kraft durch Freude como encenação da amizade luso-alemã“, in Maria Manuela Gouveia Delille (coord.), Portugal-Alemanha: Memórias e Imaginário. Segundo Volume: Séculos XIX e XX. Coimbra: CIEG-Minerva, pp. 255-283.
  • Matos, M. (2010), „Zur (Re-)Präsentation der Reise im Lichte medialer Migrationsprozesse“, in Peter Hanenberg et al. (Hrsg.), Rahmenwechsel Kulturwissenschaften, Würzburg: Königshausen & Neumann, 2010, pp. 127-145.
  • Matos, M. (2009), “«On the move»: mobilidade e migrações intermediais nos processos de representação da viagem”, in Margarida Esteves Pereira et al. (org.), Transversalidades: Viagens/Literatura/Cinema, Braga, CEHUM/Coleção Hespérides/Litearatura/23, pp. 27-58.
  • Matos, M. (2005), "Tourismus und «Totale Mobilmachung» oder Kraft durch Freude-Auslandsreisen als interkulturelle Inszenierung", in K.-S. Rehberg et al.(Hg.): Mobilität – Raum – Kultur. Erfahrungswandel vom Mittelalter bis zur Gegenwart, Dresden: w.e.b. Thelem, pp. 247-263.
  • Matos, M. (2002), "Construção Intertextual de Lisboa na Viagem ao Tejo com Pessoa na bagagem de Egyd Gstättner", in Ana Fernandes (ed.), Visão de Portugal por Estrangeiros , Viseu: Centro de Literatura e Cultura Portuguesa e Brasileira, pp. 41-56.
  • Matos, M. (2001) "«Reise nach Poetanien»: Zur literarischen Kommunikation über die Fremde in der DDR", in Alfred Opitz (Hg.), Erfahrung und Form. Zur kulturwissenschaftlichen Perspektivierung eines transdisziplinären Problemkomplexes, Trier: Wissenschaftlicher Verlag Trier, pp. 177-192.
  • Matos, M. (1998), "Thomas Rosenlöchers «Die Wiederentdeckung des Gehens beim Wandern»: Eine Harzreise auf den Spuren Heines", in Alfred Opitz (ed.), Differenz und Identität. Heinrich Heine (1797-1856. Europäische Perspektiven im 19. Jahrhundert, Trier: Trier: Wissenschaftlicher Verlag Trier, pp. 113-124.

Artigos em livros de atas

  • Matos, M. (2006), "Figurações da viagem e do viajante: do «maldito turista» ao «cosmopolita doméstico»", in Ana Gabriela Macedo/Eduarda Keating (org.), Novos Cosmopolitismos - Identidades Híbridas (VI Colóquio de Outono, 2004), Braga: CEHUM, pp. 131-147.
  • Matos, M. (2004), "«Fome de mundo»: Reflexões sobre a literatura de viagens na extinta RDA" (Comunicação ao IV Congresso Internacional da Associação Portuguesa de Literatura Comparada, Évora, 9-12 de Maio de 2001), in Actas do IV Congresso Internacional da APLC: Estudos Literários/Estudos Culturais, Universidade de Évora (CD-ROM).
  • Matos, Mário (2003), "«Kein Pass für Rio»: Brasilienbilder in der DDR", in Erwin Koller et al. (eds.), Portugal – Alemanha – Brasil. Actas do VI Encontro Luso-Alemão, Braga: Colecção Hespérides, 2003, Vol. II, pp. 289-309.
  • Matos, M. (2000), "Viagens ideológicas a Portugal na literatura nazi", in Isabel Allegro de Magalhães et al. (eds.), Literatura e Pluralidade Cultural, Actas do III Congresso da Associação Portuguesa de Literatura Comparada, Lisboa: Edições Colibri. pp. 905-914.
  • Matos, M., Silva, A. M. da (2000), "«Aus einem diplomatischen Wanderleben» de Friedrich Rosen: relações luso-alemãs e impressões de um diplomata alemão em Portugal (1912-1916)", in Helmut Siepmann (ed.), Portugal, Indien und Deutschland/Portugal, índia e Alemanha, Actas do V Encontro Luso-Alemão, Köln/Lissabon: Zentrum Portugiesischsprachige Welt der Universität zu Köln/Centro de Estudos Históricos da Universidade Nova de Lisboa, pp. 447-483.
  • Matos, M., Ruipérez, G. (1999) "Português com Rede e enREDando: um projecto ibérico na área do ensino de línguas em ambientes multimédia", in Dias, Paulo et al. (eds.) (1999), Desafios'99/Challenges'99. Actas da I Conferência Internacional de Tecnologias de Informação e Comunicação na Educação, Braga: Centro de Competência Nónio Século XXI da Universidade do Minho, pp. 205-219.
  • Matos, M. (1996), "Turismo nazi em Portugal (1935-1939)", in Marques, A. H. de Oliveira et al. (eds.), Portugal – Alemanha –África. Do Imperialismo Colonial ao Imperialismo Político, Actas do IV Encontro Luso-Alemão, Lisboa: Edições Colibri, pp. 199-214.

Outras publicações

  • Bernardo, A. M. et al.(orgs.)(2014) Encontros e Travessias. Homenagem a João Barrento, Ed. Húmus, V.N. Famalicão.
  • (2014)(Co-ed.) Diacrítica. Série Filosofia e Cultura. 28/2 [Coord. do dossiê temático: "40 anos de Abril"]

    RepositóriUM: http://hdl.handle.net/1822/52795

  • (2001) Egyd Gstättner: Viagem ao Tejo com Pessoa na bagagem, Porto: Granito, [Tradução, prefácio e notas por Mário Matos].
  • Matos, M. (2001), "Ensino-aprendizagem de línguas na viragem do século: edutainment vs e-learning", in UMboletim, nº 86, Braga: Universidade do Minho, pp. 2-5 (editorial).
  • Matos, M. (2001), "Die Nichtstuer des Südens, Teil 1" (Notiz zu Egyd Gstättners Februarreise an den Tejo), in Wiener Journal (250/251), p. 30.
  • Matos, M. (2000) Português com Rede. Curso Multimédia de Língua e Cultura Portuguesas para Estrangeiros com recurso à Internet, (CD-ROM; Volume I da colecção Línguas e Culturas/Média), Braga: Instituto de Letras e Ciências Humanas da Universidade do Minho.
  • (1998) Martin Heidegger: Introdução à Metafísica, Lisboa: Ed. Instituto Piaget [Traduzido por Mário Matos e Bernhard Sylla].
  • (1993) Norbert Elias: A Sociedade dos Indivíduos, Lisboa: Dom Quixote. [Traduzido por Mário Matos]

Organização de eventos

  • 2013/10/31 - 2018/11/01 | Universidade Nova de Lisboa

    Co-org. Colóquio Internacional da Associação Portuguesa de Estudos Germanísticos (APEG): "Rückblicke, Ausblicke: 20 Jahre APEG"

  • 2017/10/18 - 2017/10/20 | Universidade do Minho, Portugal

    Coord. Painel "Representações Interculturais de Lugares de Memória Religiosos", XIX Colóqio de Outono

    http://cehum.ilch.uminho.pt/xixco

  • 2015/04/16 - 2015/04/18 | Universidade do Minho, Portugal

    International Conference: "Transcultural Amnesia. Mapping displaced memories"

    http://cehum.ilch.uminho.pt/transculturalamnesia

  • 2014/10/16 - 2014/10/17 | Universidade Nova de Lisboa

    Co-org. do Colóquio Internacional da APEG: "Vom Experiment zur Neuorientierung. Forschungswege der Germanistik im 21. Jahrhundert/Da Experiência à Reorientação. Percursos de Investigação para a Germanística do Século XXI", U. Nova de Lisboa, 16 e 17-10/2014

  • 2014/10/01 | Universidade do Minho, Portugal

    Colóquio internacional: "As Revoluções de Veludo e a queda do Muro de Berlim … 25 anos depois", 01-10-2014.

  • 2014/04/23 | Universidade do Minho, Portugal

    Colóquio comemorativo dos 40 anos do 25 de Abril: "Perceções e representações transnacionais da Revolução dos Cravos", org. NETCult/Conselho Cultural da UM, Salão Nobre da Reitoria, Braga, 23-04-2014.

  • 2013/03/01 - 2013/03/31 | Universidade do Minho, Portugal

    Coordenação das "XIV Jornadas de Cultura Alemã: Exposições, palestras, teatro e filmes em torno da Vida e Obra dos Irmãos Grimm", 25 de janeiro a 1 de março 2013, ILCH, Salão Medieval e Salão Nobre no Largo do Paço, Braga.

  • 2010/10/26 - 2011/04/26 | ILCH, UMinho

    Ciclo de Confêrências: "Os Estudos Culturais em Debate. Debating Cultural Studies/Kulturwissenschaften"

Participação em eventos

  • Colóquio/Congresso (Por convite)

    Mário Matos,"Sobre a vanidade (ou não) da proibição da viagem". Conferência na Jornada 'Em torno de viagens e outras deslocações'. Instituto de Literatura Comparada Margarida Losa, Faculdade de Letras, Universidade do Porto, 02-10-2019. [http://ilcml.com/jornada-e-exposicao-em-torno-de-viagens-e-outras-deslocacoes/]

  • Colóquio/Congresso

    Mário Matos, Portugal visto por viajantes alemães à luz/na sombra da “lenda negra”. Comunicação ao XIX Colóquio de Outono, ILCH, Universidade do Minho, 18-10 outubro 2017.

  • Aula aberta (Por convite)

    Lecture: "Weimar: a German double folded site of memory", Aula aberta nas universidades japonesas de Kanazawa e de Nagoya (Aichi Prefectural University), no âmbito do projeto de intercâmbio ibero-nipónico VIA LACTEA, julho 2017.

  • Aula aberta (Por convite)

    Lecture: "Images of Japan by European Travellers" Aula aberta nas universidades japonesas de Kanazawa e de Nagoya (Aichi Prefectural University), no âmbito do projeto de intercâmbio ibero-nipónico VIA LACTEA, julho 2017.

  • Colóquio/Congresso (Por convite)

    Mário Matos, "Faschismus als transkulturelles Konzept. Zu den Beziehungen des Dritten Reichs mit Südeuropa am Beispiel Portugals (1933-45). Comunicação ao Congresso Internacional Gesellschaft für Interkulturelle Germanistik, Universidade de Praga (Rep. Checa), 6-8 outubro 2016.

  • Colóquio/Congresso (Por convite)

    Mário Matos, "Uma meta-viagem com Los autonautas de la cosmopista de Dunlop e Cortázar", Colóquio Internacional "Viagens e outros labirintos. Homenagem a Gonçalo Vilas-Boas”, Universidade do Porto, 03-12-2015.

  • Colóquio/Congresso (Por convite)

    Mário Matos, "Tourism and propaganda: The travelogue under the banner of the Third Reich", Colóquio Internacional dedicado ao tema "Annemarie Schwarzenbach e a Literatura de Viagens na Europa dos Anos 30", Universidade do Porto, 20-03-2015.

  • Seminário (Por convite)

    Mário Matos, "Lisboa na era do nazismo: palco turístico e lugar de exílio". Palestra no âmbito dos Seminários do International Doctoral Program in Culture Studies, Centro de Estudos de Comunicação e Cultura, Universidade Católica, Lisboa, 23 janeiro 2015

  • Curso breve/Workshop (Por convite)

    Mário Matos, "Escritas de viagem e memórias (trans)culturais", comunicação (como orador convidado) no âmbito do Curso de Formação Avançada: "Memória e Testemunho: Metodologias de Análise de Oralidade, de Escrita e Imagem", org. ICS/UM, 08-05-2014

  • Colóquio/Congresso (Por convite)

    Mário Matos: "Zonas de contacto (quase) amnésicas: Estado Novo/Terceiro Reich (1933-1945)". Palestra plenária no Congresso Internacional: "Fokus Portugal: Identidades e Imagens - Posições e Visões". 12-14 de março 2014, Universidade de Colónia (Alemanha)

  • Seminário (Por convite)

    Mário Matos: "Portugalbilder in der deutschsprachigen Reiseliteratur", no âmbito do seminário interuniversitário "Vom Minho über Trás-os-Montes nach Sachsen – ein kultureller Brückenschlag zwischen den „Peripherien“: Potential Portugiesisch-Deutscher Studien im Europäischen Kontext / Do Minho, passando por Trás-os-Montes à Saxónia – construindo uma ponte cultural entre periferias: Potencial dos Estudos Luso-Alemães no Contexto Europeu", Universidade de Leipzig, 10 a 12 de dezembro 2013.

  • Colóquio/Congresso (Por convite)

    Matos, M. (2013)"Exílios e migrações luso-alemães" Palestra de abertura do X Congresso Internacional do Deutscher Lusitanistenverband (Associação Alemã de Lusitanistas), Universidade de Hamburgo (Alemanha), 11-13 septembro 2013.

  • Colóquio/Congresso

    Mário Matos, "In itinere – Transmedial and intersemiotical strategies in travel narratives", Comunicação Congresso Internacional: "Borders and Crossings/Seuils et Traverses. An international and multidisciplinary conference on travel writing", Liverpool Hope University, UK, 22-24 July 2013

  • Colóquio/Congresso

    Mário Matos, “Estratégias transmediais em narrativas de viagens”, Comunicação ao7º Congresso da APLC: Pensar o comparatismo: percursos, impasses e perspetivas, Universidade de Aveiro, 6 e 7 de dezembro 2012

  • Colóquio/Congresso (Por convite)

    Mário Matos, "Os Açores na rota das «cruzadas turísticas» da Alemanha nazi", III Jornadas Luso-Alemãs, Ponta Delgada, Universidade dos Açores, 18-19 de maio 2012.

  • Colóquio/Congresso

    Mário Matos, “Turismo e propaganda – A ilha da Madeira em encenações transmediais dos «cruzeiros atlânticos» da organização nazi Força pela Alegria»”, Comunicação ao Colóquio Internacional Viagens Cruzadas - Mobilidade e Transferências, Funchal, Universidade da Madeira, 24-09-2010

Redes

  • 2015 - VIA LACTEA (Viable International Academic Links across Cultural Ties in Europe and Asia)

    Intercâmbio académico e científico-cultural ibero-nipónico entre a Universidade do Minho, a Universidad de Santiago de Compostela, a University of Kanazawa (Japão) e a Aichi Prefectural University  (Japão). 
    Desenvolvido e financiado no âmbito do programa European Union Education, Audiovisual and Culture Executive Agency 20142000/001001CPT EU ICIECP. 
    Tendo sido iniciada em 2014 pelo investigador do CEHUM e professor do ILCH Xaquín Núñez Sabarís, a partir de maio 2016, a coordenação do programa pelo ILCH/UM foi assumida por Mário Matos até à conclusão do projeto em dezembro 2017.

    https://www.ilch.uminho.pt/pt/Internacionalizacao/projetos_academicos/Paginas/Via-Lactea.aspx

Orientação de teses

Doutoramentos

  • 2011 - 2015 | Orientador

    Sérgio Lorré Gomes Vieira Pinto

    Visões pós-coloniais à socialista. Livros de viagens e de divulgação científico-popular de autores da RDA sobre Angola e Moçambique (1975-1990)

    Ciências da Cultura - Cultura Alemã