Sumário:

Este projecto pretende fazer uma análise do trabalho produzido por mulheres artistas nos países de língua portuguesa na segunda metade do século XX que, de diferentes modos, abordam aspectos da ditadura. Pretende-se dar visibilidade à presença das mulheres enquanto criadoras nos cânones literários e artísticos e contribuir através de estudos de caso situados para uma história das histórias da arte e da literatura. Numa perspectiva comparativa e transversal, o projecto incide sobre as seguintes áreas: artes visuais,literatura, cinema, documentário, teatro e performance. Analisaremos o trabalho produzido por mulheres artistas de diferentes perfis e de distintas gerações que abordam na sua prática artística os regimes autoritários/ditadura, quer como reflexo, quer como resistência aos mesmos.



Descrição:

O projecto Mulheres, artes e ditadura – os casos de Portugal, Brazil e dos países africanos de língua portuguesa será desenvolvido por um grupo de investigação em “Arte, Género e Estudos Pós-Coloniais” GAPS (CEHUM/ UMinho) que tem vindo a desenvolver um amplo trabalho de pesquisa na interface das áreas deste projecto. Pretende-se com este projecto multidisciplinar dar visibilidade à presença das mulheres artistas no século XX, em Portugal e países de língua portuguesa, enquanto criadoras nos cânones literários e artísticos e, deste modo, contribuir através de estudos de caso situados para uma história das histórias da arte e da literatura. Numa perspectiva comparativa e transversal, este projecto incide sobre as seguintes áreas: literatura, artes visuais, cinema, documentário, teatro e performance. Tendo em conta a invisibilidade das mulheres enquanto criadoras artísticas e a sua representação na história da arte e da literatura pretende-se contribuir para uma revisão/reconfiguração dos cânones artísticos e literários do século XX, tendo como eixo Portugal e efectuando estudos de caso contrastivos ou complementares com as ex-colónias africanas e o Brazil. O projecto compreenderá assim duas fases: 1- analisar o trabalho de mulheres artistas que experienciaram a ditadura directamente e exibem essa experiência na sua obra; 2- analisar a obra daquelas que, sendo de uma geração mais jovem, reflectem criticamente sobre esses mesmos regimes autoritários. O foco de análise versará as seguintes temáticas: repressão política, guerra colonial, silenciamento histórico, educação, questões de política de género e de feminismo, emigração, exílio e diáspora. A ancoragem destas questões numa matriz de língua portuguesa e o questionamento da criação artística feminina em contextos ditatoriais constituem o carácter inovador deste projecto e são os vectores principais desta análise. Refletiremos sobre o modo como a ideologia dominante marcou as práticas artísticas no feminino e as formas de resistência engendradas. A metodologia deste projecto compreende a realização das seguintes actividades: criação de uma base de dados com informação sobre as mulheres artistas e respectiva obra nos países considerados; constituição de plataformas digitais de divulgação das atividades realizadas; ciclo de seminários “work in progress”; entrevistas com artistas; ciclo de cinema; workshops temáticos; curso breve aberto à comunidade em colaboração com os serviços educativos dos museus; conferência internacional; publicação de um volume divulgando os resultados finais do projecto. A aproximação à comunidade (para lá do circunscrito contexto académico/universitário) assim como a necessária descentralização geográfico destas actividades são factores diferenciadores e implicam a colaboração prevista com diversas entidades culturais da região Norte do país. Nesse sentido, a equipa do projecto encontra-se já a estabelecer contacto com diversas instituições como o Centro Internacional de Artes José de Guimarães, Plataforma das Artes e Centro Cultural Vila Flor (Guimarães), Cineclube de Guimarães, Museu Nogueira da Silva, Teatro Circo, Biblioteca Lúcio Craveiro da Silva (Braga), Festival Correntes d’Escritas da Póvoa de Varzim, Fundação Cupertino de Miranda e Casa das Artes/Cineclube de Joane (Vila Nova de Famalicão).



Descrição técnica / Objectivos / Plano de Investigação e Métodos:

As for the Impact and Dissemination of this project the tasks that will be carried out and the number of partners involved will help us implement them. Namely, 1- the website providing biographic and work information on each artist studied by the research team; the digital platforms of dissemination will allow for the project to connect with other initiatives, institutions, events and a wider public; 2- the permanent seminars organized regularly throughout the project in partnership with Museum Nogueira da Silva (University Gallery) and in articulation with the Doctoral Program in Comparative Modernities and the Degree in Theatre Studies; 3- the Film Cycle in partnership with Theatro Circo (Braga) and CCVF (Guimarães) whose main objective is to present films that integrate our corpus and also to reach different publics, while promoting a dialogue with society on key issues that fall within the scope of the project; 4- the two Workshops in partnership with CIAJG/ Centro de Arte José de Guimarães and Mosteiro de Tibães (Braga) and in collaboration with women artists, involving students and general public. The dissemination of knowledge resulting from this task aims at reaching city halls, tourist offices, museums, promotors of urban public events, as well as the University public; 5- the Short-course aims at creating synergies among different institutions that collaborate in the project. It aims at stimulating the dissemination of critical knowledge within the context of feminist, gender and postcolonial studies in articulation with artistic practices. The partners involved are two museums, their educational services and a wide educational community; 6- the International Conference and the Book to be published will disseminate the final results of the project and both will prove essential towards the societal impact of the project on a diversity of publics.



Top

Equipa

Coordenadora: Ana Gabriela Macedo (CV)


Márcia Oliveira (CV)


Margarida Pereira (CV)


Maria Filomena Louro (CV)


Francesca Rayner (CV)


Joana Passos (CV)


Maria Manuela Silva (CV)


Maria Luísa Coelho (CV)


Ana Carvalho (CV)


Andreia Sarabando (CV)


Orquídea Cadilhe (CV)


Fernanda Benedito (Universidade Eduardo Mondlane) (CV)


Rui Miranda (Nottingham University) (CV)


Giulia Lamoni (Universidade Nova de Lisboa) (CV)


Edma de Góis (UNEB - Universidade do Estado da Baía) (CV)


Elena Brugioni (Universidade de Campinas, Brasil) (CV)



Top

Tarefas

1 – Construction and update of website and digital platforms (1 October 2018 – 30 September 2021)

2 – Interviews with women artists within the scope of the project, including writers, visual artists, performers, playwrights, film directors (1 December 2018 – 31 November 2020).

3 – Work in progress Seminars (1 January 2019 – 31 January 2021) – University of Minho, Museum Nogueira da Silva and “Festival Literário Correntes d'Escritas” (Póvoa de Varzim)

4 – Film Cycle (March 2019 – March 2020) – Theatro Circo (Braga) and Centro Cultural Vila Flor (Guimarães).

5 – Thematic workshops (June 2019; June 2020) - Mosteiro de Tibães (Braga) and CIAJG/ Centro de Arte José de Guimarães (Guimarães)

6 – Short Course (February 2020 – February2021) – Museum Nogueira da Silva (Braga) and Fundação de Serralves (Oporto).

7 – International Conference (11-12 March 2021) – University of Minho

8 – Publication of book (1 May – 31 September 2021)



Top

Seminários/Eventos





Top

Flyers

PDF



Top

Publicações

Brevemente



Top

Contactos

Coordenadora: Ana Gabriela Macedo

E-mail: gabrielam@ilch.uminho.pt

Telefone: (+351) 253 604 181

Morada:

Centro de Estudos Humanísticos
Universidade do Minho
Campus de Gualtar
4710-057 Braga
Portugal

Top